Skip to main content
sugestões de nomes para loja de bicicletas

Confira dicas e sugestões de nome para loja de bicicletas

Montar uma loja de bicicletas implica na resolução de fatores importantes, como localização, estoque, decoração e funcionários. Além disso, é necessário fazer a escolha de um nome que acompanhará o negócio durante sua existência.

Há inúmeras sugestões de nomes para loja de bicicleta, e o grande desafio é escolher um conjunto de palavras que represente bem a empresa, seja fácil de memorizar e desperte a curiosidade nos clientes.

Separamos uma série de dicas para a sua escolha e exemplos e sugestões para você se basear e criar um bom nome para o seu negócio! Vamos conferir?

Comece pela missão

Muitas pessoas acreditam que para encontrar um nome para uma loja de bicicletas basta anotar algumas ideias que vêm à mente. Isso pode funcionar, porém, muitas vezes, não é o suficiente: existem milhões de empresas no país, e é difícil pensar em algo que seja inédito, que chame a atenção do público e que transmita bem a ideia que você pretende passar.

Portanto, um bom começo, é ter em mãos a missão da empresa, ou seja, uma frase que traduza a razão pela qual ela existe e precisa continuar existindo. Caso você ainda não tenha feito esse exercício, essa é uma boa hora! 

Depois disso, imagine que você tenha que simplificar esse conceito em poucas palavras. É provável que, com esse exercício, você já comece a afunilar suas futuras possibilidades para algo que seja mais personalizado e exclusivo.

Esqueça os “conceitos”

A narrativa de “conceitos mirabolantes” é comum entre os empreendedores, e muitas pessoas vendem ideias como se elas fossem cheias de significados escondidos. A verdade é que boa parte dessas histórias são mentira.

Segundo a biografia de Steve Jobs, o nome “Apple” veio após uma visita a uma fazenda que plantava maçãs. Ao pensar na palavra, ele imaginou que seria algo “divertido, espirituoso e não-intimidador”, ou seja, algo que ia de encontro com sua missão. Ou seja, nada de simbologia ou semiótica, apenas algo que surgiu espontaneamente, lhe despertou a curiosidade e pareceu ser uma boa ideia.

Ao levantar sugestões de nomes para sua loja de bicicletas, não se prenda a significados e busque seguir o mesmo raciocínio.

Ao invés de significados, busque por nomes simples e de fácil memorização.

Peça sugestões de amigos e familiares

Falar com pessoas de fora é um excelente termômetro para resolver questões de um negócio. Por não estarem inseridas no mesmo contexto que você, é provável que tenham uma opinião mais imparcial.

Além disso, ao escolher o nome de uma empresa, a opinião do público vale muito, e você pode simular esse fator conversando com a sua família e amigos. 

Após anotar algumas ideias, vá até essas pessoas e pergunte o que acham e qual seria o melhor nome para uma loja de bicicletas. Muito importante: fale com cada um separadamente, ou a opinião de um pode influenciar na escolha de outro.

Escolha uma abordagem

Você sabe o que é naming? Essa palavra é utilizada para se referir a uma série de abordagens empregadas para criar nomes de empresas. Cada uma delas gera impressões distintas a respeito da marca. 

Conheça, a seguir, seis das abordagens e sugestões de nome para sua loja de bicicletas segundo cada uma:

1. Nome descritivo ou funcional

Empresas que optam por essa fórmula batizam suas marcas com um nome simples e direto. Alguns exemplos são Banco do Brasil e Museu de Arte de São Paulo.

O principal benefício é a fácil compreensão do cliente. Em contrapartida haverá maior dificuldade de memorização por representar algo mais “genérico”, e pode ser mais difícil conseguir o registro.

Uma dica, nesse caso, é usar o nome de um bairro, cidade, estado ou ponto turístico próximo à loja.

Sugestões: 

  • Bicicletaria da Mooca
  • Leme Bike Shop
  • Bicicletaria Tibaji

2. Siglas ou abreviações

Outra opção são as siglas, que podem representar palavras inteiras de forma mais rápida. Ao invés da empresa se chamar Hewlett-Packard, os sobrenomes de seus criadores, o nome foi abreviado apenas como HP. O mesmo vale para Embratel, que significa Empresa Brasileira de Telefonia.

Por serem fáceis de pronunciar, é comum que também sejam lembrados com mais facilidade, especialmente quando a sigla forma uma boa pronúncia. Entretanto, não dizem muito ao cliente sobre a empresa.

Sugestões: 

  • ABC Bicicletaria
  • JKL Bike Shop
  • QWE Bicicletas

3. Nomes patronímicos

São baseados no nome ou sobrenome de uma pessoa, geralmente o fundador da empresa. Um exemplo célebre para os ciclistas é a Shimano, batizada graças a seu fundador, Shozaburo Shimano. 

Aqui também entram variações, como quando se juntam o nome de duas ou mais pessoas para criar uma palavra, ou se escreve o sobrenome ao contrário, o que é muito comum no comércio.

A principal desvantagem é a falta de relação entre o nome e o ramo de atuação da empresa. Por outro lado, a vantagem é que, em boa parte das vezes, não há concorrência e, consequentemente, fica mais fácil registrar o negócio.

Sugestões: 

  • Oliveira Bikes
  • Bicicletaria Nassib
  • Martins & Macedo Bicicletas

4. Nomes sugestivos ou metafóricos

Descrevem aspectos que remetem à marca. Um exemplo é o carro Mustang, nomeado graças a uma raça de cavalos que tem como característica a velocidade. 

São interessantes, pois contribuem para a criação de uma imagem para a marca e, muitas vezes, são aproveitados na comunicação visual e logotipo. Em contrapartida, se não forem associações claras, podem dificultar o entendimento do cliente.

Sugestões: 

  • Alto Giro Bike Shop
  • Duas Rodas Bicicletaria
  • Magrela Bicicletas

5. Nomes de experiência

Uma das possíveis funções de uma marca é oferecer vivências aos clientes. Ao utilizar os nomes de experiência, você sugere ao cliente essas situações, como é o caso dos absorventes Sempre Livre.

Os prós e contras são os mesmos do item anterior: contribuem para a criação da imagem da marca, mas, em alguns casos, dificultam o entendimento do público.

Sugestões: 

  • Pedalada Bike Shop
  • Pelotão Bikes
  • Selim Bicicletas

6. Nomes inventados

Mesmo com as demais opções, há quem prefira criar um nome totalmente novo. Nesse caso, vale utilizar a imaginação e conceitos e palavras. É importante encontrar uma palavra com uma boa sonoridade, que favoreça a memorização.

Um exemplo comum é Fanta, palavra criada a partir de “fantastic”, porém que não carrega nenhum significado por si só.

O grande benefício dessa abordagem é a exclusividade, uma vez que você está criando uma palavra específica para designar sua marca. A desvantagem é que, para o entendimento do cliente, isso pode ser muito vago, e ele pode demorar a fazer a associação.

Sugestões: 

  • Free Bike Shop
  • GigaBikes
  • VeloTorque Bicicletas

Escolher um nome para loja de bicicletas não é uma tarefa tão simples quanto parece. Entretanto, seguindo essas dicas, você chegará a boas ideias que sintetizam bem o propósito do seu negócio.


O blog do Clube B2B oferece dicas semanais a empreendedores no ramo de bikes. Para acompanhar todos os nossos conteúdos, preencha o formulário abaixo e assine nossa newsletter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *