Browsing Category

ciclismo

bike, ciclismo, Informações, Lifestyle, mtb, obesidade, peso,

Ciclismo no combate à obesidade

A obesidade vem crescendo de forma rápida em todo o mundo, sendo considerado por alguns como a nova epidemia mundial. Uma alimentação baseada em alimentos industrializados e um estilo de vida sedentário são as maiores causas desse problema. 


Para fugir da obesidade é importante combinar uma alimentação saudável com a prática de atividades físicas, com destaque para o ciclismo por sua facilidade e acessibilidade.
O aumento do poder aquisitivo deixa muitos brasileiros mais perto da obesidade. Isso ocorre devido ao maior acesso a alimentos muito calóricos e pouco nutritivos, além do aumento da compra dos veículos automotores que diminui as já tão curtas caminhadas diárias para cumprir compromissos rotineiros. Não é raro ver pessoas jovens que já sentem o peso desse estilo de vida e tentam buscar mais momentos de lazer e bem-estar e acabam se apaixonando pelo ciclismo.

Ciclismo no combate à obesidade

A obesidade surge quando o consumo de calorias é maior do que a sua queima, ou seja, alimentação rica em calorias misturada com sedentarismo. Hipertensão, problemas cardiovasculares e diabetes são apenas alguns dos riscos do sobrepeso. Além do número na balança é importante observar como o peso está distribuído pelo corpo, visto que o acúmulo de gordura do abdômen é um grande sinal de risco de doenças associadas à obesidade.
Seja para tratar ou para prevenir a obesidade, é preciso se alimentar de forma saudável e incluir a prática de atividade física na rotina. O ciclismo é um grande aliado nesse momento. Pedalar é uma atividade indicada para pessoas de todas as idades e é indicado no combate à obesidade, pois atua no metabolismo 

aeróbico, quando a gordura é utilizada como fonte de energia após um certo tempo de exercício.
Além disso, pedalar é uma ótima forma de ter mais contato com a natureza, pegar sol e fazer novas amizades. A prática apresenta baixo impacto nas articulações, protegendo joelhos e coluna. Basta observar a postura, escolher uma bike adequada para sua altura e peso e um tênis de qualidade que a atividade física será segura e benéfica. Para maior segurança, procure ajuda de profissionais qualificados e mantenha os seus exames de saúde sempre em dia.
Procure incluir o ciclismo na sua rotina pelo menos três vezes por semana. Para criar o hábito de pedalar, defina metas que você com certeza pode alcançar e, com o tempo, aumente seus desafios de acordo com a evolução do seu organismo. Defina dias e horários que não vão colidir com outros compromissos, dessa forma, você evita deixar o ciclismo para depois. É melhor começar com meia hora por dia e manter a frequência do que se propor a pedalar durante duas horas, mas só conseguir fazer isso uma vez por mês.

O que esperar do ciclismo

  • Redução dos triglicerídeos, ou seja, menores chances de desenvolver problemas cardiovasculares
  • Melhora no equilíbrio e no condicionamento físico
  • Redução do peso corporal
  • Mais qualidade de sono
  • Redução da pressão arterial
  • Mais qualidade de vida e aumento da autoestima
adolescene, bike, ciclismo, criança, Informações, Lifestyle, obesidade, Sem categoria,

Como a bicicleta pode tirar crianças do sedentarismo

A falta de exercícios físicos pode ser muito prejudicial à saúde em qualquer idade, até mesmo para crianças que já são naturalmente mais ativas. No entanto, vale destacar que atividade física é diferente de exercício físico. O primeiro termo se refere a qualquer movimento feito pelo corpo humano que gaste energia, como tarefas simples do dia a dia, por exemplo: subir escadas, andar até a escola e brincar durante o recreio.

Para sair do sedentarismo é necessário praticar exercícios físicos com frequência, ou seja, andar de bicicleta ou jogar futebol, por exemplo. O sedentarismo aumenta os riscos de colesterol alto, diabetes, obesidade, asma, distúrbios psicológicos e outros problemas de saúde. Dessa forma, é importante que os pequenos criem o hábito de praticar exercícios físicos com frequência.

Dentre as opções de exercícios físicos para crianças, o que mais se destaca é o ciclismo. Isso ocorre pela facilidade e pelas vantagens do esporte. Afinal, andar de bicicleta é uma ótima maneira de reunir toda a família de uma forma simples e prática. Basta procurar por um espaço aberto e seguro como um parque e deixar o pequeno se divertir até cansar. Além disso, a criança já aproveita para pegar sol, fazer novas amizades, ter mais equilíbrio, força e resistência física.

Dicas para incentivar o ciclismo infantil

  1. Leve o seu filho no momento da compra. Deixe-o escolher um modelo que gostar mais. Dessa forma, ele se sentirá mais animado para estrear logo e começar a pedalar por aí.
  2. Dê o exemplo. Leve toda a família para pedalar. Crianças se inspiram nos adultos e se sentem mais motivadas em uma nova atividade quando são acompanhadas por seus pais.
  3. Escolha um lugar bonito e seguro. Um parque onde não passam carros e a criança pode andar distâncias curtas sozinha também é um ótimo incentivo. Crianças gostam de se sentir independentes e vão adorar poder andar sozinhas, ainda que poucos metros, mas sempre supervisionadas pelos pais, é claro.
  4. Convide amigos ou primos na mesma idade. Dessa forma, o exercício físico pode ser visto como um momento de lazer e brincadeira e a criança pode gastar energia e se exercitar enquanto se diverte.
  5. Invista em acessórios divertidos. Deixe o pequeno escolher capacete e demais equipamentos de segurança na sua cor favorita ou com o desenho de seus personagens prediletos estampado. Assim, não haverá choro e o baixinho fará questão de se manter segura enquanto pedala.
  6. Crie o hábito. Sempre tenha um tempo certo na agenda da família para pedalar com a criança ou deixar o pequeno enquanto a família se reúne em um piquenique, por exemplo. Vale tirar meia hora por dia e um tempo maior aos finais de semana, como ficar melhor para toda a família.
  7. Respeite o tempo de cada filho. Alguns largam as rodinhas em poucas horas, enquanto outros precisam de alguns dias para ter mais confiança. Deixe cada um conhecer o seu próprio tempo e se aventurar de acordo com sua personalidade.
bike, ciclismo, Dicas de Pedal, idoso, Lifestyle, prevenção, terceira idade,

Dicas de ciclismo para a terceira idade

Praticar exercício físico traz benefícios em todas as idades e, para os idosos, é uma ótima forma de prevenir doenças, dores e lesões. O ciclismo traz benefícios para o corpo e para a mente, não possui restrições nem exige preparo prévio. Para começar a praticar, basta conversar com o seu médico, escolher a bike mais estilosa e procurar um bom espaço como uma praça ou parque.

Pensando nisso, separamos algumas dicas bem simples de se colocar em prática e começar a pedalar em pouco tempo, com toda segurança e confiança.

Dicas de ciclismo para a terceira idade

  • Observe a altura da bicicleta no momento da compra, para ter um equilíbrio ideal e evitar dores nas costas ou lesões musculares
  • Escolha um tênis adequado para sua altura e peso, vale pedir dicas para o seu ortopedista antes de sair às compras
  • Utilize acessórios de segurança, como capacete, joelheira e cotoveleiras
  • Escolha roupas leves e confortáveis sempre
  • Respeite os seus limites e evolua em seu próprio ritmo
  • Converse com um médico antes de começar a pedalar para avaliar melhor a intensidade e a frequência do exercício
  • Busque auxílio de um personal trainer pelo menos nos primeiros meses, até se adaptar com a sua nova rotina física
  • Crie uma rotina. Pode ser meia hora por dia ou, pelo menos três dias por semana. Dê prioridade ao sem bem-estar e cumpra com o planejado
  • Cuide sempre da alimentação e não apenas nas refeições pré e pós treino
  • Você pode optar pelo ciclismo indoor, usando uma bicicleta ergométrica
  • Procure terrenos planos e em locais tranquilos, sem passagem de carro. Espere ter prática e segurança antes de andar em ciclovias movimentadas
  • Proteja a pele usando filtro solar, boné ou chapéu, além de óculos escuros
  • A hidratação é fundamental. Leve sempre uma garrafa de água quando sair para pedalar
  • Com o aumento do gasto energético, é importante avaliar a alimentação para evitar problemas de saúde

 Benefícios do ciclismo para a terceira idade

  • É uma boa forma de sair de casa e fazer novas amizades
  • Evita a perda progressiva de massa muscular
  • Melhora a qualidade do sono
  • Ajuda na flexibilidade e no equilíbrio
  • Aumenta a massa óssea, prevenindo ou ajudando em casos de osteoporose
  • Diminui riscos de AVC
  • Evita o sedentarismo e seus riscos, como colesterol, diabetes, obesidade, etc
  • Aumenta a estabilidade postura
  • Fortalece o sistema imunológico
  • Aumenta a sensação de bem-estar e evita a fadiga
  • Protege de dificuldades psicológicas e evita depressão

Agora que você já sabe que o ciclismo traz inúmeras vantagens para a terceira idade e já sabe as melhores dicas, basta se programar e sair de vez do sedentarismo. Andar de bicicleta é, também, uma ótima forma de reunir toda a família para uma atividade diferente. Convide parentes e amigos para te acompanhar nessa nova aventura, isso te trará mais motivação para começar a pedalar e se apaixonar por essa prática.

bike, ciclismo, Dicas, Dicas de Pedal, gravidez, Informações, Julio Andó,

Gravidez e ciclismo


 A gestação exige muita energia do organismo e muda todo o funcionamento do corpo da futura mamãe. É preciso ter alguns cuidados especiais durante os nove meses de espera pelo novo membro da família. A prática de atividade física é fundamental e não precisa ser evitada a menos que seja por ordens médicas.
Para a futura mamãe manter a saúde em dia basta buscar por atividades com baixo impacto físico, como o ciclismo.

Gravidez e ciclismo – Dicas

– O primeiro passo é conversar com o seu médico
– Em seguida, monte um plano de treinos, com dias, horários e locais que se adaptem à sua rotina
– Escolha terrenos planos e locais pouco movimentados, assim será mais seguro pedalar até o último dia de gestação
– Mantenha o foco na alimentação e leve pequenos lanches, dando preferência a frutas
– Leve sempre uma garrafa de água fresca e se mantenha hidratada
– Respeite os seus limites e siga um ritmo leve, sempre de acordo com a evolução do seu corpo a cada mês de gestação
– Não vá além da sua capacidade e faça pausas sempre que se sentir cansada ou com falta de ar
– Ajuste a altura do bando e do guidão sempre que achar necessário, mantenha o conforto e a segurança como prioridades a cada pedalada
– Utilize roupas leves e confortáveis e evite horários de muito calor
– Dê atenção especial aos pés, que tendem a ficar inchados
– Escute o seu corpo. Nosso organismo é sábio e dá sinais sobre seus limites, saiba respeitar o seu próprio tempo
– Evite competições e corridas, pedale apenas como uma forma de lazer
– Procure evitar curvas, descidas e subidas
– Mantenha os exames médicos sempre em dia
– Diminua o ritmo das pedaladas no último trimestre de gestação

Benefícios do ciclismo para futuras mamães
Pedalar vai te ajudar a controlar o ganho de peso natural nesse período, mantendo o peso ideal a cada mês de forma saudável. Além disso, o ciclismo vai diminuir o risco de diabetes gestacional e hipertensão arterial, proporcionando uma gestação tranquila, segura e saudável a cada mês. As chances de apresentar alguma complicação durante o parto também diminuem.
Andar de bicicleta com frequência vai te ajudar a evitar a retenção de líquidos, dando mais tranquilidade e leveza. Outro grande benefício do esporte é a redução dos níveis de ansiedade e estresse. Afinal, a futura mamãe precisa se preocupar com exames, montar o quarto do bebê, comprar o enxoval além de todas as preocupações e responsabilidades rotineiras. Aproveite as pedaladas para acalmar corpo e mente e dedique esse tempo a você mesma, tudo sem pressa nem preocupação.
Outra grande vantagem do ciclismo é poder praticar uma atividade física ao ar livre e em contato com a natureza. Você já aproveita a vitamina D ao mesmo tempo em que melhora o condicionamento físico e a qualidade da sua respiração. Além disso, logo você verá melhora na qualidade do sono, evitará dores na coluna e seguirá ativa, forte e confiante durante todas as semanas de gestação.

bike, bikers, ciclismo, começar, Dicas, Dicas de Pedal, grupo, Julio Andó, mtb, pedalar, roupa, Sobre Peças,

10 dicas para quem quer começar a pedalar

Pedalar é uma das atividades físicas mais acessíveis. Após investir na bike ou até mesmo alugando uma pela cidade, basta encontrar uma ciclovia ou um parque e curtir um passeio enquanto cuida da saúde. Seja como meio de transporte ou como opção de lazer, uma bicicleta pode trazer muito mais qualidade de vida para a sua rotina.
Se você está pensando em começar a pedalar, mas não sabe por onde começar, fique de olho nessas dez dicas a seguir para realizar essa vontade em poucos passos!

10 dicas para quem quer começar a pedalar

1 – Escolha a bicicleta ideal. O modelo mais adequado vai depender dos seus objetivos; se pretende usar apenas para pequenos passeios ou até mesmo para trilhas. Além disso, é importante observar a altura do guidão e do banco e o conforto do assento.
2 – Equipamentos de segurança. Após escolher o modelo de bicicleta ideal é preciso selecionar os melhores acessórios, como luvas e bonés para dar mais conforto, além de equipamentos de segurança, como capacete e joelheiras.
3 – Prática. Evite longos caminhos logo no começo. Procure um parque tranquilo próximo à sua casa e pratique bem antes de encarar vias movimentadas e dividir espaço com carros e demais veículos. Além disso, busque conhecer as ciclovias da região e, se possível, faça trajetos mais movimentados na companhia de outros ciclistas mais experientes até que sinta a confiança necessária para pedalar sozinho.
4 – Esteja preparado. Leve sempre um kit básico de reparos, principalmente em trilhas em meio à natureza onde será difícil conseguir ajuda. Leve uma bomba de ar, cola e remendo; dessa forma, será possível reparar o pneu em caso de algum imprevisto.
5 – De olho na saúde! Leve sempre uma garrafa de água e faça refeições leves antes de pedalar.

6 – Proteja-se do clima. Ande sempre com protetor solar, óculos de sol e boné. Se for pedalar a noite, leve um casaco para usar no final do trajeto.
7 – Pesquise o trajeto. Sempre antes de sair para pedalar busque conhecer o caminho. Vale pesquisar o mapa do trajeto na internet e levar uma pequena cola com dicas e pontos de referência para não se perder por aí.
8 – Pedale em grupo. Faça amizade com outros ciclistas e participe de encontros na sua cidade. Trocar informações e dicas é uma ótima forma de conhecer melhor o esporte. Além disso, com um grupo de ciclistas mais experientes, você terá ajuda e mais segurança para longos trajetos.
9 – Escolha roupas apropriadas. É possível encontrar peças que absorvem o suor e dão mais conforto aos ciclistas. Procure lojas especializadas em sua cidade.
10 – Siga a regulamentação das vias. Procure entender as normas de trânsito, principalmente se você não tem carteira de motorista. É importante saber quem tem preferência em cada caso, como sinalizar quando precisar fazer uma curva e quais as exigências de equipamentos e sinalizações para andar com segurança. Dessa forma, ciclistas e motoristas podem compartilhar o mesmo espaço sem risco.